A Roupa Ideal Para Encarar A Dinâmica De Grupo

Conforto e discrição são as palavras-chave para se dar bem

Se você tem uma dinâmica de grupo agendada e planeja se destacar dos demais participantes com uma roupa mais chamativa, com cores vivas e acessórios proeminentes, pare e volte ao guarda-roupa. De acordo com Gilberto Guimarães, professor da FGV e diretor da consultoria BPI do Brasil, quanto mais discreto e confortável for seu traje, melhor. “Você deve chamar a atenção do selecionador pelo conteúdo, e não pela aparência”. Lembre-se também de que muitas dinâmicas exigem movimentação do corpo, por isso, não deixe que um calçado desconfortável, por exemplo, estrague seu desempenho. A roupa deve estar confortável física e mentalmente, ou seja, você tem que estar com os movimentos livres e sentir-se seguro e tranqüilo. “Você deve possuir uma elegância transparente. Aja como um juiz de futebol, que é melhor quando não aparece demais”.

Algumas dicas para não errar :

Camisas: Como nesse tipo de processo é comum movimentar-se, muito cuidado com a transpiração e possíveis manchas de suor embaixo das axilas. Para evitar essa deselegância, procure sempre usar camisas de tecidos leves e absorventes (especialmente para os homens, que costumam suar mais).

Sapatos: Aposte no conforto e fuja de saltos finos e muito altos, no caso das mulheres. De nada adiantará um fabuloso salto-agulha se seus pés estiverem doloridos e interferirem na sua performance.

Saias e decotes: Além de desnecessários e algumas vezes vulgares, saias muito curtas e decotes profundos podem ser extremamente incômodos – para você e para outras pessoas. Lembre-se de que chamar a atenção para esses detalhes irá tirar o foco do processo.

Perfume: Nada mais desagradável e deselegante do que contaminar o olfato alheio com um perfume muito forte. Mais uma vez, quanto mais discreto, melhor.

Marca pessoal: Tatuagens e piercings já são velhos conhecidos como vilões dos guias de etiqueta corporativa. Uma aparência mais excêntrica em um local conservador pode disparar o preconceito do outro, o que pode minar suas chances de transmitir credibilidade.

Cores: Tons clássicos ainda são a melhor pedida para quem não quer escorregar na elegância. Aposte, por exemplo, no azul marinho, que é impessoal e não desperta atenção indesejada. Fuja de cores como o vermelho, que é chamativo e não imprime confiabilidade.

Minha roupa está Ok. E agora?

Se já passou no teste do provador, é hora de mostrar todo o seu potencial ao selecionador. Como já dito anteriormente, o que vale na dinâmica de grupo é destacar-se pelo seu conteúdo. “A primeira avaliação é feita no primeiro minuto”, afirma Guimarães. Um simples bom dia pode revelar sua personalidade e disposição para o processo aos outros participantes e entrevistadores. A maior dica, segundo o professor, é usar a inteligência a seu favor para agir de acordo com o que esperam de você.

Confira mais dicas para ter sucesso durante a dinâmica :

Tenha perspicácia e empatia;

Faça apenas comentários pertinentes;

Não force a barra para ser o centro das atenções;

Saiba ler o que o outro quer;

Cuidado para não parecer demasiadamente seguro de si e passar por pretensioso

COMO SE PREPARAR PARA O PROCESSO

por Juliana Ricci e Camila Micheletti

Uma das etapas mais importantes dos processos seletivos, a dinâmica de grupo é uma atividade que exige bastante preparo. Todas as suas atitudes serão avaliadas, desde o momento que você chega na empresa até a hora de ir embora, além do seu comportamento diante dos outros participantes. Saiba aqui como se preparar para encarar esse que muitas vezes é o primeiro passo para sua aprovação – ou eliminação – em um processo seletivo. Antes de mais nada, é fundamental entender o que é a dinâmica de grupo, quais seus objetivos e como você será analisado. Saiba mais sobre a história das dinâmicas de grupo e pesquise nos livros e sites que nós selecionamos para você.

Como se preparar? Confira as dicas dos especialistas ouvidos pelo Empregos.com.br:

Cuidados com o corpo e a mente:

Duma cedo e não coma alimentos fortes no dia anterior

Não tome nenhum medicamento que possa gerar algum efeito colateral antes da dinâmica

Relaxe, tente esquecer as preocupações

Leia bastante. A leitura ativa o cérebro

Confirme o endereço e pesquise qual o caminho você vai seguir. Saia de casa com antecedência para não correr o risco de se atrasar

Apresentação pessoal:

Muitas dinâmicas exigem movimentos como sentar, ajoelhar, subir em algum lugar. Evite roupas complicadas ou muito apertadas – minissaias e decotes nem pensar!

Use roupas sóbrias, mas confortáveis. Você não terá uma segunda chance de causar uma primeira boa impressão, portanto, capriche!

Para os homens, a dica é terno de cor escura, com a meia sempre combinando com o sapato. Não invente moda na gravata – deixe aquela de bichinhos para uma situação mais informal. Para as mulheres, um terninho vai muito bem, de preferência de cores sóbrias ou em tom pastel… evite cores vibrantes. Cuidado: se você não sabe sentar adeqüadamente, não vá de saia, prefira uma calça comprida. O mesmo vale para o salto alto. Caso a sua posição não seja nível executivo, prefira roupas mais simples, que condizem com o seu perfil profissional. Mas sem cair nos extremos: evite calça jeans e tênis.

Não exagere demais no perfume e nos acessórios. Lembre-se: tudo que é em excesso faz mal, e você não quer ser lembrado pelo homem que tinha o perfume mais forte da sala ou a moça que abusou nos brincos e pulseiras, né?

Comportamento:

Procure ser o mais natural possível e controle a ansiedade – nervosismo não ajuda em nada!

Execute as tarefas da melhor maneira possível e preste muita atenção ao que está sendo pedido e perguntado

Controle a agressividade, mesmo num momento de discussão procure não se exaltar

Mantenha-se atualizado, o case pode ser realizado com base em notícias e fatos que estão acontecendo no momento

O que mais você precisa saber*:

Leia algo sobre a empresa, sobre o cargo e discuta com amigos qual o tipo de comportamento esta empresa valorizaria para este cargo. Dificilmente será algo que você nunca fez mas talvez algo que você nunca valorizou! Dá tempo para pensar e se autoavaliar.

Tente avaliar as suas experiências anteriores sem, entretanto, ficar controlado por elas. Coloque no seu pensamento que muito depende das outras pessoas com as quais você vai participar. Infelizmente um pouco do fator sorte interfere neste tipo de processo.

Reserve tempo, normalmente esta atividade consome de duas a quatro horas. Caso você esteja empregado peça o a manhã ou a tarde de folga. Evite constrangimentos.

Dicas obtidas com Aguinaldo Neri, professor da Pontíficia Univesidade Católica de Campinas (PUC-CAMP), consultor e especialista em RH e Psicologia Organizacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *