Aperfeiçoamento Pessoal

Imagem 258

Você se empenha no sentido de tentar ser melhor do que foi o ano passado, mês passado ou semana passada? Ou espera chegar um estágio em que não tenha mais que melhorar? John C. Maxwell, um dos maiores especialistas em liderança do mundo, diz que não se pode esperar pelas circunstâncias ou por outra pessoa para aperfeiçoar-se. “È você quem deve assumir a responsabilidade por isso”, afirma. Ele aponta três tópicos importantes sobre esse assunto.

– Seja bastante receptivo ao ensino. O orgulho é um terrível inimigo do aperfeiçoamento pessoal. Durante um mês, coloque-se em funções que lhe permitam aprender sempre que possível. Em vez de se pronunciar nas reuniões quando as pessoas pedirem conselhos, ouça. Passe a ter uma nova disciplina, ainda que ela faça com que você se sinta inepto. E faça perguntas toda vez que não entender algo. Adote a atitude de quem aprende e não a de um especialista.

– Planeje seu progresso. Decida de que modo você aprenderá em dois níveis. Primeiro, escolha, uma área em que deseja melhorar. Planeje quais serão os livros que lerá, conferências das quais participará e especialistas que consultará nos próximos meses. Segundo, procure aprender a cada dia, sempre que possível, para que nem um dia passe sem que você tenha a experiência de aperfeiçoar-se de alguma forma.

– Valorize o aperfeiçoamento pessoal antes da autopromoção. O rei Salomão, do antigo Israel, disse: “Aceite a minha correção, e não a prata; e o conhecimento mais do que o ouro fino escolhido. Porque melhor é a sabedoria do que os rubis, e tudo o que mais se deseja não se pode comparar com ela”. Faça com que sua próxima etapa no trabalho tenha por base seu aperfeiçoamento pessoal, e não o seu aprimoramento financeiro.

Motive-se!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *