Como Se Preparar Para Uma Dinâmica De Grupo

Uma das etapas mais importantes dos processos seletivos, a dinâmica de grupo é uma atividade que exige bastante preparo. Todas as suas atitudes serão avaliadas, além do seu comportamento diante dos outros

participantes. Saiba aqui como se preparar para encarar esse que muitas vezes é o primeiro passo para sua aprovação – ou eliminação – em um processo de contratação.

– Dormir cedo

– Relaxar, tentar esquecer as preocupações

– Não tomar nenhum medicamento forte antes da dinâmica

– Ler bastante. A leitura ativa o cérebro

– Usar uma roupa discreta e coerente com o ambiente

Veja as respostas para as principais dúvidas sobre dinâmicas de grupo:

– Quando a dinâmica de grupo deve ser utilizada?

Ela pode ser utilizada como técnica em processo seletivo, assim como em cursos de treinamento destinados aos colaboradores de uma companhia.

– Como a dinâmica pode avaliar se os candidatos estão aptos ou não para o cargo em aberto?

Ao iniciar o processo seletivo, o selecionador já sabe quais são as características profissionais e pessoais (perfil profissiográfico) que a empresa está buscando no mercado de trabalho. Portanto, a dinâmica de grupo auxilia a revelação das características dos profissionais que estão participando do processo.

– Já no treinamento, como ela pode ser usada?

No treinamento, a dinâmica de grupo pode ser utilizada como recurso didático. O jogo dramático gera um campo relaxado no treinamento, favorecendo um maior aprendizado através do lúdico.

– Em um processo seletivo, a dinâmica é eliminatória?

Como técnica, a dinâmica de grupo compõe o conjunto de instrumentos utilizados para avaliar o candidato; portanto não deve ser eliminatória quando utilizada isoladamente.

– Quais as atividades mais utilizadas?

Jogos dramáticos, jogos de aquecimento. Não existe uma atividade especialmente utilizada nas dinâmicas de grupo, existe a definição do objetivo do trabalho e a melhor técnica que o atende, bem como ao estilo do profissional.

– Como o candidato deve se preparar?

O candidato deve ser espontâneo e coerente com seus objetivos pessoais e profissionais.

– Mas não há um comportamento pré-definido?

Em primeiro lugar, o candidato deve perceber quais são seus limites e suas potencialidades para que possa respeitar a si mesmo e aos outros, independentemente da participação no processo seletivo. Para isso, o ideal é ser espontâneo, coerente e objetivo, flexível porém sem deixar de colocar suas idéias e opiniões, ser disponível para participar das atividades propostas, enfim, utilizar este processo para o crescimento pessoal e profissional.     Juliana Ricci

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *