Dez Mandamentos Contra A Qualidade

Que ações poderemos tomar para corroer totalmente bases do Programa de Qualidade de uma empresa?

Esta pergunta foi formulada aos alunos de uma faculdade no Brasil, para alunos de pós-graduação em Qualidade e Produtividade.

As respostas são surpreendentes pela sua precisão e sensibilidade, os dez mandamentos para acabar com a qualidade. São preceitos que você não deve seguir de forma alguma se quiser realmente que sua empresa seja bem sucedida.

1 –  Procure culpados para cada erro

A filosofia da Qualidade Total ensina justamente o contrário, ou seja quando ocorre um problema não existem culpados e sim causas que devem ser descobertas e eliminadas para que não voltem a ocorrer. Na maioria dos processos a causa principal dos problemas é a falta de treinamento ou a falta de padronização. Daí a ênfase nos programas de treinamento contínuo de todos os funcionários e na padronização dos processos como forma de evitar que o mesmo erro ocorra pela mesma causa.

2 –  Demita sem pensar duas vezes

Muitas empresas associam Programas de Qualidade com demissão de funcionários. Empresas mal gerenciadas, que durante muitos anos foram submetidas a maus tratos e abusos, não melhoraram da noite para o dia simplesmente diminuindo a folha de pagamento. Em geral o problema é estrutural, baseado nos valores intrínsecos, nas intenções e na visão de futuro de seus dirigentes. Se tivessem sido bem administradas talvez não tivessem chegado a esta situação extrema, em que sua própria sobrevivência está ameaçada. A melhoria dos processos, a diminuição dos desperdícios e a procura de novos mercados e inovações são alternativas de melhoria de produtividade sem corte de pessoal.

3 –  Pregue uma coisa e pratique outra

A incoerência entre aquilo que os gerentes dizem e o que fazem é veneno poderoso na destruição da credibilidade e do espírito de equipe. O mesmo se aplica ao tratamento diferenciado entre as pessoas segundo sua posição na hierarquia da empresa.

4 – Não surfe na onda da Qualidade: Ela é cara e passageira

Num contexto filosófico, pode se dizer que a qualidade sempre existiu, é intrínseca ao ser humano e explica a sua sobrevivência e auto-desenvolvimento. O universo seria sua melhor manifestação. Durante toda a história da humanidade, a qualidade esteve sempre presente, aflorando sob diversas formas. Qualidade fornece uma base racional para a unificação de três áreas da cultura humana ora desvinculadas: a Religião, as Artes e a Ciência. Todas se originam na Qualidade. Não se deve, portanto, entender o Método da Qualidade Total como algo novo e passageiro, um tipo de modismo. Além do mais, muitos resultados podem ser obtidos com pouco ou nenhum investimento, através da melhoria dos processos.

5 – Não perca tempo com a Qualidade : Deixe isso para seus subordinados

Esta é a mais importante das causas do insucesso dos programas de Qualidade Total em qualquer organização: A falta de comprometimento da direção. Se o dono da empresa (em todos os níveis gerenciais) não acreditar e não se envolver diretamente no processo, dificilmente serão obtidos resultados importantes. Neste caso, os funcionários e gerentes facilitadores da qualidade devem mostrar aos seus superiores as vantagens e os benefícios do processo.

6 – Não gaste dinheiro com Treinamento

A melhor forma de iniciar um processo de qualidade é através do treinamento. O treinamento é o maior segredo da indústria japonesa, pois foi através dele que conseguiram o seu formidável crescimento. A utilização intensiva do treinamento torna-se cada vez mais imprescindível devido às mudanças impressionantes nas áreas de comunicação, informação, informática e a Internet. Além do Treinamento Empresarial, é indispensável a melhoria de Qualidade do ensino formal , em todos os níveis. Os métodos de ensino estão totalmente defasados da realidade e das necessidades da sociedade.

7 – Não se preocupe com seus clientes. Você vem em primeiro lugar

As empresas existem para satisfazer as necessidades das pessoas. Se o seu produto ou serviço não atende a esta premissa básica da Qualidade Total, sua empresa está em perigo. Daí a importância da busca constante para identificar os desejos do cliente e avaliar seu nível de satisfação.

8 – Não perca tempo e dinheiro controlando processos

O Controle Estatístico do Processo é sem dúvida um dos grandes segredos da qualidade garantida e previsível: o conhecimento profundo e detalhado do processo. A atuação durante o processo evita o controle ao final deste, quando nada mais pode ser feito para evitar as anomalias.

9 – Defina Metas Impossíveis e Sem a Participação da Equipe

Este é outro segredo da indústria japonesa, a tomada de decisão com a participação de toda a equipe. O termo Total, na expressão Qualidade Total, significa, a participação de todos. As metas atingíveis talvez seja o maior motivador para as pessoas participar da definição, acompanhamento e execução das metas desafiadoras.

10 – Fique à deriva: Vá apenas onde o vento te levar

A melhor maneira de avaliar melhorias é através da medição, quem não mede está à deriva. Portanto, devemos traduzir as características de qualidade em itens de controle, itens numéricos que deverão ser sempre medidos.

Fonte: http://www.apostilasdaqualidade.com.br/mandamentos_contra.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *