Estrelas

Há pessoas-estrelas e pessoas-cometas…

Os cometas passam, apenas são lembrados pelas datas que passam e retornam.

As estrelas permanecem, os cometas desaparecem.

Há muita gente cometa.Passam pelas nossas vidas apenas por instantes.

Gente que não prende ninguém e que a ninguém se prende. Gente sem presença, que teme  o envolvimento. Também existem pessoas assim até mesmo em família e que passam um pelo outro sem serem presença.

Importante é ser estrela. Permanecer. Estar presente. Marcar presença.Estar junto. Ser calor. Ser vida.

Amigo é ser estrela. Podem passar os anos,podem surgir distâncias, mas a marca fica no coração.

O coração não quer enamorar-se de cometas que apenas atraem olhares passageiros.

Muitos cometas por momentos passam e desaparecem.

Ser cometa  é não ser amigo. É ser companheiro por instantes,  apenas por instantes.

A solidão de muitas pessoas é conseqüência de não poderem contar com alguém. Ninguém fica. Todos passam. Nós também passamos pelos outros.

Há necessidade de criar um mundo de estrelas.

Todos os dias poder vê-las e senti-las.

Todos os dias ver sua luz e calor.

Assim são os amigos-estrelas na vida da gente.

Pode-se contar com eles.

Eles são presença. São coragem nos momentos difíceis.

São luz nos momentos escuros.

São segurança nos momentos de desânimo.

Ser estrela neste mundo passageiro, neste mundo cheio de cometas é um desafio.

Mas, acima de tudo, uma recompensa.

É nascer e ter vivido e não apenas existido.

O mundo atual está precisando de estrelas.

Vamos tentar ser mais uma?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *