Você Não Precisa Passar Por Tudo Sozinho…

sozinho

Nunca só

Você alguma vez você parou para analisar, que fazer aquilo que você acredita, seguir seu coração, confiar completamente em seus próprios instintos parece uma viagem bastante solitária?

E pode parecer mesmo.

Quando você chega a essa conclusão, ninguém mais, além de você mesmo pode realmente determinar o curso correto para sua vida e para que você alcance seu crescimento e desenvolvimento.

Por outro lado, o que muitas vezes não é considerado, é que o conflito que ocorre, a falta de apoio e até mesmo a solidão é realmente resultado de você não seguir seus próprios caminhos.

Aí que você pode justamente cair numa armadilha: a do: “Ninguém me apoia, ninguém gosta de mim”, etc.

Isso acaba se tornado um mantra, repetido muitas e muitas vezes. Para algumas pessoas, por uma vida inteira e o pior que ele não é realmente verdadeiro.

Isso é uma expressão e a reprodução de um trecho de um monólogo interior, escrito, dirigido e produzido por seu próprio ego. Porém aqui reside um perigo. Por que pode se tornar um hábito, dizer sempre a mesma coisa pra si mesmo e isso se torna uma verdade, que como tal, é ela que vai acabar dirigindo sua vida.

Tem saída?

Claro que tem…

Primeiro é entender e aceitar a ideia de que, se você é fiel a você mesmo(a), pode haver pessoas que não te entendam, mas você sempre encontrará aquelas que te ajudarão ao longo da sua jornada.

Para você entender como e por que isso acontece. Veja a seguinte situação: quando criança você tenta arduamente fazer parte da turma, mas seu esforço para adaptar-se apenas reforça pra si, o quanto você se sente diferente. Até que aconteça algo diferente, como por exemplo: você participar de uma atividade na escola ligada totalmente a seus interesses. Como uma feira de ciências e lá você encontra pessoas “muito legais” que se ligam em você apenas por ser você mesmo(a).

Quando você descobrir realmente o que interessa à sua vida, você realmente seguir seu coração, saberá que as pessoas que te seguirem ou te admirarem, o farão isso pelo que e por quem você realmente é.

Afinal de contas, é muito melhor, mais saudável e produtivo, ser admirado por algo significativo pra você do que o contrário. Afinal quem é que precisa de apoio para alguma coisa que na realidade você não deseja ou não tem a menor afinidade.

Por isso, seja ousado(a), corajoso(a), seja você mesmo(a), siga seu coração. Você pode descobrir que a única companhia que realmente precisa é você mesmo(a).

Sigmar Sabin- Professor e Aprendiz da vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *